Encontro de Globos Virtuais: aplicações cientificas no Google Earth


A American Geophysical Union, vai organizar um seminário em São Fransico entre 15 e 19 de Dezembro de 2008.

Desde de que o Nasa Word Wind (2004) e o Google Earth (2005) trouxeram o conceito de Globos Virtuais para a sociedade da informação, que a nossa forma de ver o planeta mudou completamente. É similar à forma como a internet mudou a forma de como armazenamos e acedemos à informação. Os globos virtuais estão a mudar a forma como visualizamos dados geo-espaciais.

Uma componente chave para esta evolução é a norma Keyhole Markup Language (KML), como código preferido para adicionar e controlar esta tecnologia. Este código é reconhecido pelo Open Geospatial Consortium (OGC), como uma norma standard internacional. KML é actualmente suportado por várias plataformas (Google Earth and Maps, NASA World Wind, ESRI ArcGIS Explorer and Microsoft's Virtual Earth and EarthBrowser).

Este ano, o ponto de partida para as apresentacões é excelente (NOTA: há quatro sessões no início e vínculos aos resumos mais detalhados). Graças a John Bailey (um dos principais organizadores das sessões de mundos virtuais, pode ver a lista nesta página web).

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Desterritorialização e Reterritorialização

Mapa geológico completo de Portugal e Espanha

Mapas Isométricos